top of page

O ROLAMENTO DE DA VINCI




A primeira utilidade do rolamento que nos vem à cabeça é de servir como elemento auxiliar no transporte. E nesse aspecto o conceito de rolamento é bem antigo. Existem indícios do seu uso em diversas civilizações do passado como, por exemplo, no Egito antigo, onde toras de madeiras eram utilizadas para transportar pedras de grande peso. Apesar do atual conceito de rolamento se dever em grande parte a isto, ele também foi largamente influenciado pela roda.


No entanto, em ambos os casos, essas civilizações tinham um grande problema em comum: como reduzir o atrito ao aumentar a velocidade?


Leonardo Da Vinci, por volta do ano 1500, foi o primeiro a desenhar uma solução para este problema. O predecessor do rolamento tinha nascido...mas somente no papel.


Em seus projetos, Da Vinci dedicou atenção especial à redução da resistência de atrito. Percebendo que a fricção poderia ser reduzida se as esferas não encostassem umas nas outras, ele projetou separadores que permitiam a movimentação livre das mesmas (o que hoje seria o equivalente à gaiola do rolamento).


Mais tarde, finalmente seu projeto foi posto em prática. No século VIII na Inglaterra, esse mesmo conceito viria a ser aprimorado e utilizado para aplicação em rodas de carroça.


Esta aí uma contribuição, dentre várias, que o gênio Leonardo Da Vinci deixou para a humanidade.


Este artigo tem como base o livro “A indústria de rolamentos no Brasil” Abaixo, um vídeo que demonstra o conceito criado por Da Vinci:






4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page